Mulher é morta a facadas na zona rural da região de Sousa e ex-companheiro é principal suspeito

A mulher chegou a ser socorrida para o Hospital Regional de Sousa, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito às 9h50 da manha desta segunda-feira (23)

Zulene Sabino Gomes tinha 29 anos. (Foto: arquivo pessoal).

Uma mulher de 29 anos foi morta a facadas por volta das 6h15 da manhã desta segunda-feira (23) no sítio Angélica, na zona rural de Aparecida, na região de Sousa. Segundo informações da polícia, o ex-companheiro da vítima é o principal suspeito de praticar o crime.

Conforme a PM, o suspeito que não se conformava com o fim do relacionamento que já durava cerca de 15 dias, esfaqueou sua ex-companheira com vários golpes de faca e em seguida foragiu. A mulher foi socorrida por familiares para o Hospital Regional de Sousa (HRS) e mesmo com todas as diligências da equipe médica, não resistiu e veio a óbito às 9h50 desta segunda-feira (23).

Conforme a assessoria de comunicação do HRS, as lesões sofridas pela vítima, foram na região abdominal, tórax, dorso, cervical e face.

A mulher foi identificada como Zulene Sabino Gomes, de 29 anos. O corpo foi conduzido ao Instituto de Perícia Científica (IPC) de Cajazeiras para realização da necrópsia.

A PM está em diligência em busca de capturar o suspeito, mas até o fechamento desta matéria não havia obtido êxito.

Fonte: Diário do Sertão