Bandido é morto e PM fica ferido durante tentativa de roubo a uma escolinha infantil, em Sousa

Os meliantes entraram no local no momento da aula e realizaram o ato delituoso, no entanto, foram confrontados pelos policiais do lado externo do prédio

Material apreendido pela Polícia Militar. (Foto: divulgação/PMPB).

Um bandido morreu e um policial ficou ferido com um disparo de arma de fogo durante uma tentativa de roubo a uma escolinha de reforço na manhã desta sexta-feira (27) no bairro Gato Preto, na cidade de Sousa, no Sertão do estado. A Polícia Militar foi acionada e houve troca de tiros com os meliantes. Um PM ficou ferido na mão, um dos criminosos foi preso e o outro assaltante sofreu um tiro, vindo a morrer logo em seguida.

O policial foi socorrido para o Hospital Regional de Sousa (HRS) e está fora de perigo, já o criminoso que sofreu o tiro, também foi levado para a mesma unidade de saúde, no entanto não resistiu e veio a óbito. O homem morto foi identificado como Emerson Alves da Silva, conhecido como “Cú de Gato”.

MOMENTOS DE TERROR PARA ALUNOS E PROFESSORA

Segundo a PM, os bandidos tentaram realizar um roubo em uma residência que funciona um escritório de contabilidade e uma Escolinha de reforço. As crianças estavam tendo aula e foi gerado muita apreensão por parte dos pequenos, os quais ficaram de reféns dos meliantes. Após acionada, a PM chegou no local e realizou um cerco no quarteirão, impedindo qualquer possibilidade de fuga.

Houve tentativa de evasão saltando muros e por cima dos telhados. Os suspeitos efetuaram disparos em direção as equipes que estavam posicionadas, vindo a atingir um militar na mão esquerda, que foi socorrido ao Hospital Regional de Sousa. Um dos criminosos também foi socorrido para mesma unidade hospitalar.

APREENSÕES

Além da prisão, a Polícia Militar apreendeu duas armas de fogo e recuperou uma motocicleta roubada na última quarta-feira (25) no Jardim Sorrilândia, em Sousa. As duas armas são dois revólveres de calibres .32 e .38, sendo o último com três munições deflagradas. Os bens que foram subtraídos foram recuperados e serão ressarcidos as vítimas após lavratura do Auto de Entrega, expedido pela autoridade de Polícia Judiciária.

Ambos os envolvidos na ocorrência já respondem a processos judiciais por crimes de roubo na comarca de Sousa. As armas e o suspeito detido estão à disposição da Delegacia de Polícia Civil, para início da persecução penal.

O corpo do indivíduo que veio a óbito será encaminhado ao Instituto de Perícia Científica (IPC) de Cajazeiras para realização de exame cadavérico.

Fonte: Diário do Sertão