Mãe de bebê abandonada em calçada na PB diz que quer filha de volta; criança está em abrigo

Jovem, de 19 anos, disse que escondeu a gestação da família e no local de trabalho usando roupas folgadas. Menina foi encaminhada para um abrigo, em João Pessoa.

Flagrante de momento em que mulher abandona bebê em João Pessoa — Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

A mãe da recém-nascida que foi abandonada em uma calçada, no bairro do Varadouro, em João Pessoa, disse em depoimento na Delegacia de Crimes contra a Infância que quer a filha de volta. Ela se apresentou para a polícia nesta quinta-feira (26).

“Eu quero muito ela de volta […]. Eu não queria fazer isso”, disse.
Já em entrevista à TV Cabo Branco, a jovem revelou que escondeu a gestação da família e no local de trabalho, usando roupas folgadas, por medo de que não aceitassem a criança. Ela também reforçou que quer recuperar a guarda da filha, mesmo que ainda não saiba como.

A delegada Joana Dar’c, que recebeu o depoimento da jovem, disse que mesmo tendo a criança de volta, ela vai responder pelo crime de abandono de incapaz.

“Eu achei ela muito apática, não sei se pelo período de resguardo ainda, muito calada. Não achei que tinha feito isso pela índole de perversidade […]. Acredito assim, que foi um momento de loucura, de não passar [o que estava acontecendo] pra ninguém. Foi pra maternidade sozinha, teve o filho só”, relatou a delegada.
Ainda segundo a delegada, a avó materna da criança demonstrou se sentir culpada por não ter descoberto a gravidez. A jovem optou por não falar sobre a paternidade da filha.

A bebê recebeu alta da Maternidade Cândida Vargas nesta quinta-feira (26) e seguiu para o abrigo Jesus de Nazaré onde está institucionalizada.

De acordo com o juiz da Vara da Infância, Adhailton Lacet, mesmo com a apresentação da mãe da criança, não será ser possível que ela fique com a guarda da criança, que recebeu o nome de Ana Vitória.

Com aproximadamente cinco dias de nascida, a bebê pesa pouco mais 2,6 kg e mede 47 cm. Segundo a pediatra Juliana Soares, a menina está bem.

“Todos os exames até agora deram normais. Ela tá bem clinicamente estável, e a gente propõe alta de hoje para amanhã”.

Recém-nascida recebe doações
A repercussão do caso da recém-nascida despertou a solidariedade na população. Doações para o enxoval da menina não param de chegar à Maternidade Cândida Vargas. Rosângela Farias, uma das doadoras, falou sobre a importância de atitudes solidárias em momentos de crise.

“A gente vê que nesse período de mudanças, de crises, há uma necessidade muito grande para que as pessoas se voltem para realizar uma tarefa como essa”.

Câmeras de segurança mostra momento em que a bebê foi abandonada
Câmeras de segurança registraram o momento em que a recém-nascida foi deixada em calçada. As imagens mostram uma mulher jovem, idade desconhecida, que segura a criança pouco anos de deixá-la da porta de uma casa.

O caso foi registrado por volta de 14h desta segunda-feira (23). A jovem titubeia um pouco, beija a criança, antes de abandoná-la.

Fonte: G1 PB