Prefeitura quer público em jogo do Brasil contra Argentina no Almeidão

Estádio Almeidão - Foto: Paloma Faustino/MaisPB

O município de João Pessoa estuda liberar o acesso ao público no amistoso da seleção feminina de futebol contra a Argentina no próximo dia 18, no Estádio Almeidão. Segundo o secretário municipal de Saúde, Fábio Rocha, a partida organizada pela CBF pode servir de teste para a criação de um protocolo sanitário para a realização de grandes eventos.

“Vamos discutir isso e até criar um protocolo sanitário que pode servir de protótipo para outros eventos. Só entra vacinado, com máscara e com cartão de vacinação. Vou defender isso com unhas e dentes”, avisou Rocha.

Sobre a exigência da carteira de vacinação para o público, o secretário informou que fará uma consulta à Procuradoria Municipal para sanar as dúvidas em relação ao tema. “Também veremos se o prefeito está de acordo”, acrescentou, garantindo que o tema será levado para avaliação do prefeito Cícero Lucena.

Neste momento, o município também prepara um novo decreto com as medidas sanitárias de combate à Covid-19. De acordo com o secretário de Saúde, o documento levará em consideração os estudos sobre os índices de transmissão do vírus, a taxa de ocupação de leitos e o percentual de vacinação com D1 e D2.

“Levando em consideração o que sabemos contra a Covid-19, tudo é muito recente. Não temos, por exemplo, com precisão quanto tempo dura a imunização”, admitiu. Fábio Rocha, no entanto, lembrou a necessidade de que setores da economia retomem às atividades, especialmente no setor de eventos.

Outra informação passada pelo secretário foi em relação à dose de reforço de vacinas da Covid-19. O gestor garantiu que é provável o início já neste mês de setembro, mas lembrou que a Prefeitura de João Pessoa segue o estabelecido no Plano Nacional de Imunização (PNI). “O Ministério da Saúde dará a orientação e nos seguimos o que o manda o PNI, mas discutimos o que precisar ser discutido”.

Fonte: MaisPB